Dicas da Milena: Prazer, meu nome é Milena.

Milena 4

A Milena é nossa bebezinha linda! Ela é boazinha, sorridente, gosta de dormir sozinha no berço, ama tomar banho, dá os melhores abraços do mundo, adora qualquer coisa que tenha desenho de abelha, ama musica clássica e baby Einstein. E como não poderia ser diferente, seu paladar tem apresentado graus elevados de sofisticação, papinhas e suquinhos “básicos” não lhe agradam!

Foi quando percebi que para ela comer bem, eu teria que me esforçar mais. E é por isso que eu criei o Dicas da Milena, serão receitas que passaram pelo paladar apurado da danadinha, que já desde pequena mostra que tem muita personalidade.

Muita gente me pergunta se eu quero que ela siga nossa profissão, afinal de contas ela tem um pai Chef de Confeitaria, uma mãe Cozinheira & Gourmet e uma avó que eu nem sei por onde começar, Chef de Cozinha, Confeitaria… mas a minha resposta é sempre a mesma:

- Ela vai ser o que ela quiser ser e com um bom paladar!

IMG_4392Espero que gostem dessa nova parte do blog e que compartilhem suas experiência e papinhas com a gente. Até logo.

  

Você também pode gostar…

Dica de Restaurante: Cervesseria Ferretería – Reus

A Ferretería é um restaurante/bar de Tapas que fica dentro de uma antiga loja de ferramentas, todo o seu interior e estrutura foram conservados, misturando antigos objetos com garrafas de vinho e cerveja. O local é muito singular, além de bonito. O atendimento não é excelente, mas não fica para trás de outros bares de tapas da Espanha.

Cerveseria Ferreteria - Reus 13As fotos são uma mistura de várias visitas, das muitas que fiz, nem todas registrei, ainda mais que naquele tempo, “nem sonhava” com o blog, não tinha uma boa câmera e nem feitos cursos de fotografia. Nessa época eu estaca vivendo perto de Reus, em uma praia que se chamava La Pineda, mas isso é tema para outra postagem…

OLYMPUS DIGITAL CAMERAQuando chegamos à Espanha, ainda no aeroporto, a primeira coisa que o Ariel me fez experimentar era um tal de Pa amb tomàquet (pão com tomate em catalã) com fatias de pata negra, como este da foto. Delicioso!

Cerveseria Ferreteria - Reus 14Você também pode escolher sentar nos banquinhos, as vezes esta é a única opção, pois a casa esta sempre cheia, até mesmo no almoço.

Cerveseria Ferreteria - Reus 4Ir a um restaurante de Tapas e não pedir um pão com tomate é praticamente um sacrilégio. Depois que o pão sai do forno, eles passam o alho e em seguida esfregam um tomate bem maduro cortado, essa é a maneira mais tradicional de fazer esta receita simples e deliciosa.

Cerveseria Ferreteria - Reus 3Outro sacrilégio seria não pedir as Patatas Bravas, as famosas batatas com molho picante.

Cerveseria Ferreteria - Reus 5A tortilla de batata também é uma boa pedida.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAPeça também os Chipirones a la plancha são de dar água na boca.

OLYMPUS DIGITAL CAMERA Chorizo cocido con cervesa, nada é mais espanhol que isso! E para acompanhar tudo isso, não se esqueça de pedir Champú ou Clara, cerveja com limonada ou com refrigerante de limão, muito refrescante e suave.

Cerveseria Ferreteria - Reus 12De sobremesa peça crema catalana…

Cerveseria Ferreteria - Reus 11… ou Manjar Blanco, feito com leite de amêndoas.

Cerveseria Ferreteria - Reus 16Reus é uma das cidades da Catalunha que eu mais gostei de conhecer, é linda e cheia de história. Pertinho da Ferretería está o prédio em que o Gaudi nasceu, que por acaso não é este da foto! hehe… Aproveite para caminhar pelas ruas e fazer compras, tem ótimas lojas por ali.

Cerveseria Ferreteria - Reus 15Entre! Vale a pena conhecer!

Cerveseria Ferreteria
Plaça de la farinera 10,
Reus, Tarragona – Espanha
+34 977 340 326
www.laferreteriadereus.com
 
 
  

Tagliatelle com Jamón Crudo, Ervilha Fresca e Manchego Viejo

Este Tagliatelle tem seus ingredientes inspirados na cozinha Espanhola, apesar do nome meio complicado, a receita é simples e rápida.

Tagliatelle com Jamón Crudo, Ervilha Fresca e Manchego Viejo 2

Tagliatelle com Jamón Crudo, Ervilha Fresca e Manchego Viejo

Tempo de Preparo

1 hora

Rendimento

4 porções

Custo

Médio-Baixo

400 gramas tagliatelle
q/n de água filtrada
6 fatias de jamón crudo ou prosciutto
q/n de azeite de oliva
1 talo de alho-poro (parte branca)
300 gramas de ervilha fresca
6 tomates tipo italiano (maduros)
1/2 colher (sopa) de maisena
q/n de sal
q/n de pimenta do reino
q/n de queijo Manchego Viejo
q/n de salsinha fresca

Coloque água para ferver em uma panela com um pouco de sal. Forre uma assadeira com papel manteiga, disponha as fatias de jamón crudo, sem sobrepor, leve ao forno preaquecido a 180º C até dourar e ficar levemente crocante, retire do forno e espere esfriar e quebre em pedaços pequenos, reserve. Lave e corte o tomate em quatro, bata no liquidificador e coe, reserve. Lave e corte em cubos pequenos o alho-poró. Aqueça uma frigideira com um pouco de azeite de oliva e coloque o alho-poró, refogue por alguns minutos em fogo baixo, sem deixar queimar ou dourar, adicione as ervilhas frescas, refogue por alguns, condimente com sal e pimenta do reino. Em seguida, adicione o tomate batido e cozinhe por 2 a 3 minutos. Misture a maisena com duas colheres de água filtrada e coloque no molho, deixe engrossar e apague o fogo. Por ultimo, coloque o macarrão para cozinhar e assim que estiver no ponto desejado, adicione a massa ao molho, coloque um pouco da água do cozimento do macarrão no molho e refogue por alguns minutos. Sirva em seguida com algumas folhas de salsinha fresca, jamón crudo em pedaços e lascas de queijo manchego viejo.

Dica Là Mere

Se você estiver usando ervilha fresca congelada, retire-as do freezer no momento de adicionar à receita, não deixe descongelando com antecedência! O queijo manchego viejo é um queijo duro, de origem espanhola, pode ser trocado por grana padano, pecorino ou parmesão.

  

Dica de Restaurante: Nadia O.F. – Mendoza

A espanhola Nadia Harón era farmacêutica e seu marido, José Manuel Ortega Founier, era um executivo do Banco Santander, juntos fundaram a Vinícola  O. Fornier, situada no Valle de Uco. De farmacêutica, passou a comandar o restaurante da vinícola e acabou se apaixonando pela gastronomia. Depois disso, foi fácil sonhar com seu próprio negócio e assim nasceu Nadia O.F. Desde então Nadia recebeu vários prêmios, dentre eles estão: o Premio de melhor restaurante da Argentina em 2011, pela Academia Argentina de Gastronomia, o Premio de melhor restaurante do interior da Argentina em 2012 pela Cuisine&Vins e as Medalhas de Ouro 2011/2009 e a Medalha de prata em 2008 pela Best of Great Wine Capitals na Categoria Restaurante.

Dica de Restaurante - Nadia O.F 12O restaurante oferece toda semana um novo cardápio degustação de seis etapas, com ingredientes sazonais e de fornecedores locais. Tem capacidade para 80 pessoas e funciona de segunda a sábado a partir das 20:30. O menu degustação tem um valor de 380 pesos por pessoa e mais 150 pesos se você quiser a harmonização com os vinhos da vinícola O. Fornier, você também pode levar seu próprio vinho, pagando uma taxa de 70 pesos pelo serviço. Café expresso, chás e infusões também tem um acréscimo de 18 pesos por pessoa.

Dica de Restaurante - Nadia O.F 1Começamos o jantar com o pão de Azeite de Oliva, feito diariamente no forno de barro do restaurante, chegavam quentinhos e deliciosos durante todo o jantar.

Dica de Restaurante - Nadia O.F 2A primeira entrada, creme de lentilha da Índia com tempurá de tutano de ossobuco e azeite de trufa branca, chegou um pouco fria.

Dica de Restaurante - Nadia O.F 3Assim também chegou o Magret de pato em crocante de batata e molho de espumante.

Dica de Restaurante - Nadia O.F 5De entrada eu pedi a sopa de Cebola ao Cognac com gratinado de Gruyere e gema de ovo cozida a baixa temperatura. Eu esperava um pouco mais, já que o restaurante é considerado o melhor restaurante da Argentina, mas decidi esperar até o final do jantar para dar meu veredito!

Dica de Restaurante - Nadia O.F 4O Ariel fez o mesmo comentário da sua entrada, o Macarrão de mandioca a la Carbonara, que além de tudo, chegou frio.

Dica de Restaurante - Nadia O.F 6Os melhores pratos da noite foram os pratos principais. Eu pedi Laminas finas de porco braseado sobre purê de batata doce e salteado de verduras com soja e gengibre.

Dica de Restaurante - Nadia O.F 7O Ariel pediu Bife de Lomo com guarnição de batata amassada e molho vermelho.

Dica de Restaurante - Nadia O.F 9De sobremesa pedimos a compota de maçã em texturas com creme brulée. Que nada tinha de creme brulée…

Dica de Restaurante - Nadia O.F 8E o Sorbet de Laranja e aceite de oliva que chegou derretido devido a demora no atendimento.

Restaurante Nadia O.F 11A Chef se acercou a mesa, perguntou como estava o jantar, conversamos um pouco sobre como ela chegou até ali, falamos sobre a Espanha e trocamos cartões. Ela é muito simpática e humilde, assinou gentilmente um menu para mim.

 A Nadia também oferece cursos de Cozinha a partir das 19:30 com reserva antecipada. São oferecidos um avental e um livro de receitas, o preço é de 1380 pesos por pessoa e o aluno fica para o jantar com harmonização de vinhos O.Fornier.

Ao final de toda postagem sobre restaurantes eu costumo dizer se o recomendo ou não, mas desta vez a coisa ficou um pouco complicada. Foi difícil ser tão bem tratada, tanto pela chef como pelo seu pessoal e se decepcionar tanto com a comida, tudo bem que parecia ser um dia atípico da casa, mas lidar com um salão cheio faz parte da vida de um chef, por esse motivo ou talvez não, recebemos comida fria e não digna de um restaurante tão premiado. Fica aqui minha dúvida se os prêmios foram sérios o bastante no julgamento ou se eu realmente os peguei em um dia atípico. Por esta razão prefiro que façam sua própria experiência.


Nadia O.F.
Calle Chile 894, esquina com Montevideo
Mendoza – Argentina
+54 (261) 4253239
reservas@nadiaof.com
www.nadiaof.com

CRITÉRIO DE AVALIAÇÃO
As postagem refletem somente a opinião dos autores do blog conforme a experiência no restaurante ou estabelecimento. Todas as dicas deste blog seguem um critério pessoal.

Para a avaliação são usados nossos conhecimentos e experiências vividas, tanto no Brasil e Argentina como nos anos morados na Europa (França, Inglaterra e Espanha) e os mais de 15 países visitados ao longo do tempo. Nossas avaliações também refletem nossa experiencia de anos trabalhando em restaurantes, hotéis e confeitarias de todo o mundo.

  

Dicas da Nutricionista: A riqueza dos brotos na alimentação

Você tem costume de usar brotos na sua alimentação? Não? Então adquira já esse hábito. Conheça um pouco mais sobre esse alimento super nutritivo e o melhor de tudo: quase não tem caloria!

Broto de AlfafaOs brotos são vegetais em processo germinativo, ou seja, não atingiram o seu ponto máximo de crescimento e ainda contém compostos fenólicos em sua composição. Estas substâncias são importantes para a proteção e o desenvolvimento da planta e para nós tem um papel antioxidante, ou seja, os compostos fenólicos combatem os radicais livres, prevenindo doenças além de evitar o envelhecimento precoce. Os mais conhecidos são os de alfafa, bambu, feijão e de girassol.

Broto de FeijãoOs brotos concentram em sua composição minerais como cálcio, magnésio, potássio, além das vitaminas do complexo B e vitamina C. São riquíssimos em fibras, que auxiliam no bom funcionamento do intestino e possuem também enzimas digestivas facilitando o processo de digestão. Na sua composição de macronutrientes as proteínas de alta qualidade estão em destaque.

Por ser um vegetal verde também ajuda na detoxificação do organismo e faz a renovação celular de nossas células.  Os brotos podem ser consumidos crus ou refogados. Na forma crua, podem ser adicionados a saladas, sanduíches e sucos ou refogados rapidamente no azeite de oliva extra virgem ou cozidos por 15 segundos em água fervente. Se forem fazer parte de pratos refogados devem ser acrescentados no término do cozimento, como é o caso de carnes e vegetais refogados com broto.

Fotos: Loja Ohashi